Press "Enter" to skip to content

Você tem dúvidas sobre o ProUni? Tire todas elas aqui!

O que é Pro Uni?

O ProUni é o Programa Universidade para Todos. Criado pelo Governo Federal do Brasil, o programa tem o objetivo de distribuir bolsas de estudo integrais e parciais em instituições de ensino superior. Ele somente é válido para os cursos de graduação e sequenciais de formação específica. Foi criado em 2004 e instituído pela Lei nº 11.096 de 13 de janeiro de 2005. Até o ano de 2013, os dados são de que o programa permitiu a mais de 1 milhão de jovens que entrassem no ensino superior.

logo prouni

É por meio dele que muitas pessoas que, antes sem condições de pagar uma universidade particular, hoje conseguem completam um curso no ensino superior. Isso acaba aumentando as suas oportunidades e permitindo que cresçam no mercado de trabalho, melhorando a vida de suas famílias.

Como funciona?

O processo seletivo do ProUni consiste em duas fases: o processo regular e o processo remanescente, que visa ocupar as bolsas que sobraram após o final da primeira fase.

No processo regular, se inscrevem os candidatos que participaram do ENEM do ano anterior. O ProUni funciona baseado nos resultados do Exame Nacional do Ensino Médio. O candidato deve ter obtido, pelo menos, 450 pontos na média das notas da prova, e não pode ter zerado a redação.

como funciona prouni

Para o processo remanescente, apenas os seguintes candidatos podem se inscrever:

  • Aquele que efetuou a inscrição, em todas as suas opções, nos cursos com registro de não formação de turma no processo seletivo do ProUni referente ao segundo semestre do ano anterior/
  • Aquele que é professor da rede pública de ensino, no exercício do magistério de educação básica e que integre o quadro de pessoal permanente da instituição pública. Válido para os cursos com grau de licenciatura, que são destinados à formação do seu magistério em educação básica;
  • Aquele que participou do ENEM a partir do ano de 2010, e que tenha obtido, em alguma das provas, uma média de notas igual ou superior a 450 pontos, sem ter zerado a redação. Isso corresponde a, aproximadamente, metade dos acertos da prova.

Seja qual for o processo, as inscrições para o ProUni são gratuitas, e feitas exclusivamente na página do programa na internet.

A cada ano, são realizados dois processos seletivos do ProUni, um no primeiro semestre e outro no segundo semestre. Conforme a oferta de vagas, elas vão sendo preenchidas ao longo do processo. Há também a lista de espera, que tem como objetivo preencher as bolsas que sobraram nas chamadas regulares.

O candidato que deseja concorrer a uma bolsa integral, deve ter renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. No caso das bolsas parciais, de 50%, a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa. O candidato também deve preencher a pelo menos um dos requisitos mínimos, que são:

  • Deve ter cursado o ensino médio completo em alguma escola da rede pública ou como bolsista integral de alguma escola da rede particular;
  • Deve ser pessoa com deficiência, ou;
  • Deve ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério na educação básica, integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública. Nesse caso, deve concorrer apenas às bolsas ofertadas nos cursos de licenciatura e não precisa comprovar a sua renda.

No ProUni, algumas vagas também são destinadas às políticas de ações afirmativas. Por isso, candidatos com deficiência ou autodeclarados negros, pardos ou indígenas, podem concorrer às cotas.

prouni inscrição

Como fazer a inscrição Prouni?

A inscrição do ProUni ocorre semestralmente, e normalmente as datas são nos meses de janeiro e de julho. Quer saber como realizar a inscrição? Confira no passo a passo a seguir:

  • Primeiro passo: acesse o site oficial do ProUni e clique na opção “Fazer a inscrição”. Essa página só estará disponível durante o período de inscrições, pré estabelecido pelo cronograma;
  • Segundo passo: em seguida, informe o seu CPF e o número de inscrição e senha cadastrados no portal do ENEM do ano anterior. Se não tem esses dados em mãos, procure no site oficial do Exame Nacional do Ensino Médio;
  • Terceiro passo: assim que você acessar, o sistema irá recuperar os seus dados e a sua nota do ENEM automaticamente. Aí, só precisa confirmar e verificar se estão corretos. Caso não estejam, atualize as informações;
  • Quarto passo: depois disso, você precisará preencher um questionário, respondendo perguntas sobre a sua situação social e os dados dos membros da sua família;
  • Quinto passo: para encerrar, você deverá escolher duas opções de cursos desejados, por ordem de prioridade, em uma ou mais instituições de ensino. Na hora da inscrição, é possível filtrar as opções por instituição de ensino, curso ou município. Enquanto o período de inscrições estiver aberto, você poderá alterar as opções de curso quantas vezes quiser. Na hora de escolher, fique atento, pois o tipo de bolsa pretendida também deve ser selecionado na hora. Escolha entre cotas ou ampla concorrência, lembrando que as cotas são voltadas apenas para estudantes com deficiência, negros, pardos e índios.

Uma observação importante é de que alguns cursos possuem requisitos específicos para a matrícula. O curso de Ciências Aeronáuticas, por exemplo, requer uma licença de piloto e algumas horas de voo comprovadas. Devido a isso, atente-se às peculiaridades de cada curso na hora de escolher.

Algumas instituições também contam com um processo seletivo interno. Preste bem atenção, pois o candidato pode acabar perdendo o direito à bolsa se não cumprir os critérios específicos de cada universidade.

Quando abre as inscrições?

Como vimos, as inscrições do ProUni costumam ocorrer nos meses de janeiro e julho de cada ano. Por isso, se informe no site oficial do programa para saber a data exata.

 

Quem pode fazer?

Quem pode participar do processo seletivo do ProUni são os estudantes brasileiros que ainda não possuem nenhum diploma de curso superior. Além disso, devem atender a pelo menos uma das seguintes exigências:

  • Ter cursado o ensino médio completo em uma escola pública;
  • Ter cursado o ensino médio completo em uma escola da rede privada, mas com a condição de bolsista integral;
  • Ter cursado o ensino médio na rede pública parcialmente, e como bolsista integral de uma escola privada posteriormente ou anteriormente;
  • Ser uma pessoa portadora de deficiência;
  • Ser um professor da rede pública de ensino. Nesse caso, deve concorrer apenas às bolsas dos cursos de licenciatura.

No caso das bolsas integrais, o candidato deve ter uma renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. No caso das bolsas parciais, de 50% do valor, a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

nota prouni

Quando sai a nota do Prouni?

O ProUni não funciona por meio de notas, visto que utiliza a proficiência no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) para o seu processo seletivo. Por isso, após a inscrição, não há uma disputa de notas entre os candidatos. O que ocorre é um resultado, que pode ser deferido ou não pela instituição de ensino superior, de acordo com a nota do aluno e a sua concorrência dentro daquele curso e instituição.

O resultado costuma sair logo após o processo de inscrições, não tardando o final delas.

 



Atualizo
Siga-nos

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mission News Theme by Compete Themes.