Aprenda em 5 minutos como efetuar a Consulta do Cartão SUS

O popular Cartão do SUS é conhecido como Cartão Nacional de Saúde (CNS). Ele identifica o usuário do Sistema Único de Saúde, com todas as suas informações. O cartão tem como propósito criar um histórico de atendimento de cada cidadão que foi atendido nas unidades, criando uma base de dados.

Se você tem o cartão e perdeu ou não sabe direito para que ele serve, continue lendo este artigo para saber tudo sobre ele.

cartao sus

Para que serve o cartão SUS?

O cartão identifica o usuário do Sistema Único de Saúde. Ele é gratuito, e funciona com um cadastro de um número, que facilita o acesso em todas as unidades de atendimento do Sistema Único de Saúde.

Por meio dele, é possível consultar o prontuário do paciente e outras informações, como o local e data dos outros atendimentos. Também fica registrado quais foram os serviços prestados, quais os profissionais que o atenderam e quais os procedimentos realizados.

Dessa forma, o Cartão Nacional de Saúde, organiza essa rede se serviços. Por isso, o cadastramento de usuários deve ser responsabilidade dos profissionais e das unidades de saúde. Além de auxiliar na hora do atendimento, esse cadastro ajudarão o Ministério da Saúde a monitorar os serviços que o SUS oferece. Ele também serve para:

  • Possibilitar um acompanhamento das referências entre municípios e estados;
  • Facilitar os processos de compensação financeira e ressarcimento ao SUS dos valores dos procedimentos que foram realizados;
  • Acompanhar o fluxo de usuários no sistema de saúde;
  • Subsidiar o planejamento e definição das prioridades nas ações de saúde e mensurar a cobertura das atividades desenvolvidas;
  • Integrar os dados dos Sistemas de Informações da Base Nacional gerenciados pelo Ministério da Saúde, nos estados e municípios;
  • Regulamentar o sistema de saúde e racionalizar a utilização de recursos humanos, físicos e financeiros;
  • Identificar o usuário em todos os contatos com o SUS e acompanhar a sua evolução dentro do sistema;
  • Facilitar o ressarcimento das operadoras de planos e seguros privados de saúde;
  • Gerar informações regionalizadas sobre o atendimento e a origem dos pacientes, para controle das políticas da SISREG.

consulta cartao sus

Como tirar 2ª via do cartão do SUS?

Se você perdeu ou extraviou o seu cartão, não há motivo para se preocupar. Emitir uma segunda via é muito fácil! Veja como:

Segunda via presencialmente

Para conseguir uma nova via do seu cartão é só comparecer a qualquer unidade de saúde, a mais próxima de sua residência. Lembre-se de ter em mãos os seus documentos pessoais – CPF e RG – e compareça a uma das unidades para um novo cadastramento e impressão. Em apenas alguns minutos o operador do sistema cadweb conseguirá a impressão de um novo cartão, pronto para ser usado.

Para evitar maiores incômodos, guarde o novo cartão em um local seguro e evite a perda novamente.

Segunda via pela internet

Outra forma muito simples de conseguir uma segunda via do seu cartão do SUS é através do sistema SUS online, pela internet. Ao visitar a página, você só precisa fazer login com seus dados de acesso e imprimir um novo protocolo, para solicitar um novo cartão do SUS. Veja como no passo a passo abaixo:

  • Primeiro passo: acesse o site do Meu Digisus;
  • Segundo passo: no meio da página, clique no botão azul “Entrar”, depois insira seu CPF, caso não tenha cadastro, clique em “Crie uma Conta”, igual a imagem abaixo:

cartao sus 2 via

  • Terceiro passo: ao ser redirecionado para o cadastro, preenche todos os campos, informe seu e-mail e número de celular e valide sua conta pelo e-mail ou SMS;
  • Quarto passo:  após a validação da conta, gere uma nova senha na próxima página para acessar o seu porta;
  • Quinto passo: na tela do portal, clique em “Minha Saúde”, logo após vai aparecer um cartão do SUS escrito acessar, clique ali e imprima sua 2 via.

Caso você não lembre qual é o número do cartão, poderá também emitir uma nova via utilizando o seu nome completo. Para isso, acesse o site do Portal do Cidadão e clique em “Consulta à base de dados do Cartão Nacional de Saúde por nome”. Então, preencha os campos solicitados com os seus dados, que serão nome completo, CPF, data de nascimento, cidade de origem e nome da mãe.

Então, através da nova senha gerada com esses dados, você poderá solicitar uma segunda via do cartão do SUS. Para o seu e-mail, serão enviados os dados de acesso e as instruções para imprimir a segunda via do seu documento.

imprimir cartão sus

Como imprimir?

Para imprimir a sua segunda via, você pode imprimir o documento utilizando um modelo pré-definido pelo Word. É necessário apenas modificar o arquivo com seus dados pessoais e o número de registro do Cartão Nacional de Saúde, conforme explicado no e-mail.

Consulta na base de dados do Cartão Nacional de Saúde por nome

Para quem não lembra o número do seu Cartão Nacional de Saúde, é possível consultá-lo utilizando o nome completo na base de dados.

É importante lembrar que, para que o sistema funcione da melhor forma, é funcionamento que as suas informações estejam atualizadas, principalmente o nome completo, o nome da mãe e o número do CPF. Para atualizar as suas informações, ligue para a central Ligue PASA, que funciona 24 horas por dia.

No site do Portal do Cidadão, você consegue realizar a consulta utilizando o nome completo. Para isso, acesse e clique na opção “Consulta à base de dados do Cartão Nacional de Saúde por nome”.

Caso, mesmo assim, você não encontre o seu número, entre em contato com a PASA para verificar se os seus dados estão corretos no cadastro.

Lembrando que, caso você não tenha um cartão do SUS, isso não o impedirá de ser atendido nas unidades de saúde. A única consequência disso será não conseguir pedir a restituição do Imposto de Renda, pois não haverá comprovação.

cartao sus digital

O que é Cartão SUS Virtual?

O Cartão SUS Virtual é fruto da tecnologia, que está facilitando a vida de todas as pessoas. Por meio dele, a identidade do cidadão no Sistema Único de Saúde está a apenas um clique, por meio de um aplicativo.

No app, é possível consultar os seus dados cadastrados no sistema, além de outras ferramentas importantes, como o controle da aferição da pressão e medicação de glicemia, dados essenciais para quem sofre com doenças como a diabetes e a hipertensão.

Por meio do programa, será possível visualizar em gráficos os últimos registros de pressão e taxas de glicemia. Isso ajuda não só o paciente a controlar os seus níveis, mas também é uma ótima ferramenta para o profissional que irá atendê-lo na rede pública de saúde.

O aplicativo do Cartão SUS Virtual está disponível para smartphones com sistema Android. Baixe agora mesmo na Google Play Store. Para os smartphones com sistema iOS, a previsão é que, em poucos meses, ele já estará disponível na App Store.

Por meio do Cartão Virtual, também é possível indicar alergias, uso contínuo de medicamentos, contatos de emergência e compartilhamento de informações com os médicos, facilitando o diagnóstico e o tratamento adequado.

O acesso ao aplicativo não ajuda só o paciente, mas também facilita na hora do atendimento, poupando tempo de coleta de informações. Além disso, funciona como um “diário” de sintomas e variações de pressão ou glicemia. Os aperfeiçoamentos são realidade, e com o tempo será possível buscar serviços de saúde mais próximos por meio de um mapa, criar um alerta de consultas marcadas e até solicitar a marcação de novas consultas pelo app.

Cartão SUS digital

Agora já é possível consultar uma versão digital do aplicativo digital do Cartão Nacional de Saúde (CNS) — ou Cartão do SUS — por meio do aplicativo digital Conecte SUS.

O serviço inclui consultas, exames, cirurgias, acompanhamento de tratamento de saúde, medicamentos gratuitos, atendimento médico em diferentes especialidades, entre outros, de forma gratuita. No entanto, para ter acesso aos tratamentos é necessário possuir o Cartão Nacional de Saúde, conhecido como cartão SUS.

O novo documento apresenta uma sequência de 15 números, permite a identificação de cidadãos brasileiros ao usar os serviços públicos de saúde do país.

O registro reúne dados pessoais e de outros documentos (CPF e RG) e formas de contato, como endereço, e-mail e telefone.

 

Vinícius Cardozo

Deixe um comentário